Segurança do trânsito melhora no mundo, mas não no Brasil

Segurança do trânsito melhora no mundo, mas não no Brasil

Do total de 1,25 milhão de vítimas fatais em acidentes de trânsito em 2013, 47 mil casos foram registrados no Brasil, revelando aumento da insegurança nas estradas e contrariando os números positivos de boa parte dos países.

A Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou um relatório com os números sobre fatalidades de trânsito no mundo, e mostrou que a quantidade de acidentes em muitos lugares estagnou e deve começar a cair. No Brasil, porém, o trânsito demonstra ser mais e mais perigoso.

Segurança do trânsito melhora no mundo, mas não no Brasil

Segundo o site G1, em um espaço de 3 anos, 79 países diminuíram o número de vítimas de trânsito, enquanto outros 68 aumentaram. O continente que apresenta os dados mais alarmantes é a África, onde a taxa de mortalidade é de 26,6 pessoas para cada 100 mil habitantes.

No ranking da OMS o trânsito brasileiro está na 33ª posição dos mais perigosos do mundo. O relatório mostra que o país apresenta leis adequadas, com exceção das que delimitam a velocidade. A OMS só considera seguras as vias com limite inferior a 50 km/h, abaixo da maior parte das vias brasileiras.

Veja também: Cidades com os maiores índices de roubos de carros

Somos uma empresa do grupo Europ Assistance, com foco na excelência de atendimento e inovação tecnológica. Atendemos seguradoras, transportadoras e montadoras de veículos, além do público em geral que deseje ter seus bens monitorados. http://www.ceabs.com.br/

2 Comentários

Deixar um comentário