Como montar uma boa rota de entrega

carros e caminhões trafegando por uma rodovia

Boas rotas de entrega podem aumentar a lucratividade de empresas, pois reduzem os custos logísticos. Muitos erros são comuns na hora de criar uma rota, seja ela para entregar produtos, prestar serviços, realizar reparos técnicos ou visitas comerciais. Confira a seguir como montar sua rota sem cometer erros.

Utilize um sistema de gestão

Os softwares de gestão de frotas podem te ajudar a determinar uma boa rota para otimizar sua logística. A solução de gestão de frotas da CEABS ajuda o gestor a acompanhar os relatórios e os roteiros dos motoristas, facilitando o cálculo dos gastos, aumentando sua eficiência e agilizando a roteirização de entrega.

Agrupe as paradas

Gastos com combustível com certeza são o vilão da maioria das empresas. Para minimizar esses custos é importante agrupar as paradas. Por isso, recomenda-se dividir a equipe em grupos e alocar cada veículo em uma região. Outra opção é trabalhar em dias diferentes, destinando cada um a uma área com paradas concentradas.

Teste rotas

intendo trafego de carros e caminhões na rodovia

Para chegar a uma rota ideal é preciso conhecer a cidade e as opções de rotas que levam a um determinado local. Muitas vezes há alternativas mais rápidas e econômicas. Durante o trajeto, observe os seguintes itens:

  • rapidez;
  • pedágios;
  • desvios;
  • trânsito; e
  • consumo de combustível.

Use o tipo de veículo adequado

Na hora de pensar em rotas eficientes é preciso levar em conta o tipo de veículo que está sendo utilizado. Visitas técnicas ou de vendas, prestação de serviços ou entrega de produtos são situações distintas e que precisam de diferentes tipos de carros.

Rotas que envolvem viagens e entregas de produtos necessitam de veículos mais robustos, que consequentemente geram mais gastos. Já visitas a clientes podem ser feitas utilizando veículos mais compactos e econômicos.

Uma rota bem montada traz mais organização, eficiência e economia para sua empresa, além de colaborar com o planejamento das tarefas da equipe, permitindo maior previsibilidade quanto aos serviços da semana e soluções mais rápidas em caso de imprevistos.

Leia também: Como calcular o tamanho ideal da frota para a sua empresa  

Deixar um comentário